Sem o “semideus” Alex, Coritiba testa alternativas contra o lanterna

fonte

Time resolve poupar o meia, que se soma a Pereira e Rafinha como desfalques ante o Nacional

O zagueiro Luccas Claro: “Não pode nem passar pela nossa cabeça perder o jogo” (foto: Franklin de Freitas)
O Coritiba tem três desfalques para a partida de hoje, às 22 horas, contra o Nacional, em Rolândia. E um deles chama a atenção: o meia Alex. O jogador não está machucado nem suspenso. Sua ausência ocorre por opção da comissão técnica, que decidiu poupá-lo da viagem de ônibus ao interior. Com isso, o meia se soma ao zagueiro Pereira e ao meia-atacante Rafinha como ausências na equipe. A partida de hoje é válida pela 6ª rodada do returno do Campeonato Paranaense.

Alex chegou com status de semideus no Coritiba e, nos últimos jogos, vem justificando a fama. É o capitão do time, a referência criativa e um dos jogadores que mais dá passes para gol – soma quatro e está atrás apenas de Rafinha (seis). Além disso, Alex marcou seis gols nas últimas quatro partidas de que participou, o que o colocou como um dos artilheiros do Estadual, com 8 gols. Para completar, está perto do gol de número 400 na carreira – precisa marcar mais oito para chegar a essa marca.

Segundo o técnico Marquinhos Santos, Alex sofreu um desgaste intenso pelo número excessivo de partidas recentemente. Por isso, ficará de fora. Os outros desfalques coxas-brancas são por suspensão. No clássico com o Paraná, no domingo, Rafinha levou o terceiro cartão amarelo. E Pereira acabou expulso.

Para suprir as ausências, Marquinhos Santos fez vários testes no treino de ontem. No intuito de manter o esquema tático 3-5-2, ele colocou Luccas Claro na zaga, em vez de Pereira, e Arthur no ataque, na vaga de Rafinha. Quanto ao posto de Alex, o treinador planeja escalar Patric na lateral-direita e preencher o meio-campo com Gil, que atuaria como volante, sua posição de origem. Com isso, Robinho ficaria mais avançado que nas últimas partidas. O técnico ainda pode colocar Lincoln em vez de Júlio César.

Marquinhos testou outra opção, no 4-4-2. Para isso, apostou em um lateral mais defensivo – Victor Ferraz – e manteve apenas Leandro Almeida e Chico na zaga. O meio-campo teria Willian, Gil, Robinho e Lincoln (ou Sérgio Manoel). E o ataque, Arthur e Júlio César.  “Devemos definir amanhã (hoje)”, afirmou Marquinhos Santos.

Para o zagueiro Luccas Claro, a vitória é obrigatória, independente de quem jogue – mesmo porque o adversário é o lanterna da competição e somou apenas um ponto em 16 partidas. “Não pode nem passar pela nossa cabeça perder o jogo. A gente vem de derrota em casa”, afirmou. “E não é porque é o Nacional. Temos um elenco forte e tem sempre que jogar para vencer”.
Nacional x Coritiba
Nacional
Vinícius; Bruno Flores, César, Cristian e Grafite; Fernando, Doriva, Fernandinho e Thiago Henrique; Gustavo e Tcharlles. Técnico: Dirceu de Mattos
Coritiba
Vanderlei; Leandro Almeida, Luccas Claro e Chico; Patric, Willian, Gil, Robinho e Eltinho; Lincoln (Júlio César) e Arthur. Técnico: Marquinhos Santos
Árbitro: Lucas Paulo Torezin
Local: Estádio Erick George, em Rolândia, quarta-feira, às 22 horas

Anúncios

Paraná Clube é multado e dirigentes são suspensos

Fonte
 
Julgamento no TJD condena presidente, vice e supervisor e aplica multa de R$ 4 mil por invasão de campo

Quatro dirigentes do Paraná Clube foram suspensos pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) por ofensas à arbitragem no jogo contra o J.Malucelli, em 13 de fevereiro. O caso foi julgado nesta terça-feira à noite na 1ª instância do TJD-PR e os condenados ainda podem recorrer a instâncias superiores. Por invasão do gramado após o jogo, o clube recebeu multa de R$ 4 mil.

Na súmula daquela partida, o árbitro Adriano Milczvski relatou que quatro dirigentes do Paraná entraram no gramado após o apito final. Em seguida, xingaram, ameaçaram e arremessaram um copo d´água no quarteto de arbitragem. A procuradoria do TJD-PR denunciou nos artigos 258-B (invasão de campo) e 243-F (ofensa) do CBJD três dirigentes do Paraná: o presidente Rubens Bohlen, o vice Paulo César Silva e o supervisor Fernando Leite. As penas nesses artigos são de suspensão de 15 a 180 dias (no 258-b) e de 15 a 90 dias (no 243-F). O gerente de futebol, Alex Brasil, também foi indiciado nesses dois artigos e também em mais dois 243-C (ameaças) e 254-A (agressão física). As punições previstas são de suspensão 30 a 180 dias (no 243-C) e de 30 a 120 dias (no 254-A).

Alex Brasil foi punido com 105 dias. Fernando Leite recebeu 30 dias. Rubens Bohlen e Paulo César Silva pegaram 15 dias. Punidos, os dirigentes podem continuar trabalhando normalmente, mas não terão o direito circular em áreas restritas do estádio e assinar alguns documentos específicos.

O técnico do Paraná, Toninho Cecílio, foi excluído durante aquele jogo. Ele estava denunciado no artigo 258, que trata de “conduta contrária à disciplina” e prevê suspensão de um a seis jogos. Toninho recebeu a pena de “advertência” e, por isso, não será considerado réu primário no próximo julgamento. O médico Jonathan Zaze, do Paraná Clube, também foi expulso na partida por reclamação. Ele recebeu apenas advertência.

Em fevereiro, o Paraná denunciou ao TJD-PR o árbitro Adriano Milczvski por erros durante a partida. No entanto, a procuradoria não levou a denúncia adiante e Milczvski nem foi julgado nesta terça-feira.

 


 

Plano de sócios
O Paraná Clube lançou novidades no Plano de Sócios. A carteirinha agora será um cartão de débito Visa. Quem possuir concorrerá a sorteios de R$ 50 mil todo mês. Outra vantegem é o Cash Back: quanto mais o sócio compra com o cartão de débito, mais pontos acumula. E os pontos são convertidos em dinheiro. Haverá também descontos em farmácias. O cartão terá seguro de ingresso Allianz, com previsão de reembolso do ingresso do jogo ou da mensalidade em caso de falecimento do segurado, cônjuge ou parente em primeiro grau. Acidente de trânsito e lesão grave ou doença do segurado também esão previstos. Os preços das mensalidades dobraram. Agora, o valor é de R$ 190 para as Cadeiras, de R$ 120 para o setor Social e R$ 80 para Curva Norte ou Reta. Há também as modalidades Mirim e Ausente, além de preço menor para mulheres no setor cadeiras. O clube tem hoje cerca de 11 mil sócios (considerando também os olímpicos) e espera chegar a 20 mil até o final do ano.

Gramado
A diretoria do Paraná Clube decidiu trocar todo o gramado da Vila Capanema. Com isso, o local ficará quatro meses fechado e só voltará a ser usado após a Copa das Confederações. As três primeiras partidas da Série B – contra São Caetano, Figueirense e ASA, em maio e junho – serão provavelmente na Vila Olímpica do Boqueirão. Só a partir de julho o time retorna para a Vila Capanema. No Paranaense, usará o Ecoestádio enquanto não conseguir a liberação da Vila Olímpica, que precisa de adaptações para ser aprovada por autoridades da área de segurança. A previsão que o estádio no Boqueirão esteja pronto até 4 de abril. No Durival de Britto, até o tipo de grama será alterado e a diretoria estuda modernizar o sistema de drenagem. O custo total do novo gramado é de R$ 500 mil. A empresa responsável, que cometeu uma falha danificando o campo, pagará metade do valor.

Escalação
O atacante Reinaldo e o volante Ricardo Conceição estão fora do próximo jogo, na quinta-feira às 21 horas no Ecoestádio, contra o Operário. Os dois se recuperam de lesões. O zagueiro Anderson e o volante Zé Luís voltam ao time após suspensão. A provável escalação será Luís Carlos; Ângelo, Anderson, Alex Alves e Gilton; Zé Luís, Junior Capixaba e Lúcio Flávio; Carlinhos, Morales e Julio Cesar.

Atlético busca 5ª vitória do returno contra desesperados

Fonte

Nas últimas cinco rodadas, time sub-23 já venceu quatro ameaçados e hoje tenta bater o Paranavaí

O técnico Arthur Bernardes: estilo de jogo adotado por ele combina com “desespero” dos rivais (foto: Franklin de Freitas)

O time sub-23 do Atlético é o terror dos desesperados na luta contra o rebaixamento. Nas cinco rodadas do 2º turno, venceu os quatro últimos colocados da classificação geral – Nacional, Cianorte, Toledo e Rio Branco. Hoje, às 20h30, recebe o Paranavaí, que tem 15 pontos e divide a 8ª colocação com Rio Branco e Toledo. A zona de rebaixamento é formada por Cianorte (14 pontos) e Nacional (1 ponto).

O estilo de jogo adotado pelo técnico Arthur Bernardes parece combinar com o desespero dos adversários. O sub-23 tem se caracterizado pelo sistema ultradefensivo, com volantes e laterais presos na marcação e com raríssima liberdade ofensiva. A única arma da equipe tem sido a velocidade do quarteto ofensivo, o que favorece o contra-ataque.

Pressionados pela obrigação da vitória, os times ameaçados acabam abrindo brechas para os contragolpes. Para o jogo de hoje, Arthur Bernardes só terá uma mudança obrigatória em relação à última rodada.  O volante Renan Foguinho, suspenso por ter acumulado três cartões amarelos, deixa o time. Elivelton, que foi titular contra o Toledo, é o mais cotado para substituí-lo. Manteiga e Otávio são outras opções. O meia Harrison, que começou no banco na última rodada, também está suspenso por amarelos.

A previsão era que o lateral-direito Léo e o zagueiro Bruno Costa retornassem ao time titular após cumprirem suspensão. No entanto, os dois foram chamados por Ricardo Drubscky para o time principal, que disputa amistoso nesta quarta-feira contra o Danúbio, no Uruguai.

O sub-23 do Atlético pode chegar à liderança do 2º turno nesta rodada, desde que vença o Paranavaí  e ocorra um tropeço do Londrina contra o Cianorte, no Estádio do Café. O Tubarão lidera com 15 pontos e o Furacão, 13. O time da capital está invicto há seis rodadas.

O meia Zezinho espera vencer para celebrar em grande estilo o aniversário de 89 anos do Atlético. “Esperamos uma vitória para dar de presente. É um momento especial para o clube. A data comemorativa, em uma fase que estamos bem, em uma sequência boa e de crescente no campeonato, brigando pela liderança.

Em Paranavaí
Paranavaí: Naldo; Célio Lima, Marinho, Alex Noronha, Wesley; Schneider, Mineiro, Rilber, Alex Ricardo; Celinho, Felipe Rafael.
Técnico: José Maria.
Atlético: Santos; Renato, Erwin, Rafael Zuchi e Héracles; Elivelton (Manteiga), Hernani, Bruno Pelissari e Zezinho; Crislan e Douglas Coutinho. Técnico: Arthur Bernardes
Árbitro: Selmo Pedro dos Anjos Neto (PR)
Local: Estádio Waldemiro Wagner, em Paranavaí, às 20h30

Febre nos anos 90, jaquetas de couro continuam na moda e agora compõe looks esportivos ou sofisticados

Jaquetas_Patrícia Lion (1)

 

Com vestido, regatas, leggings ou jeans, as jaquetas de couro voltaram com tudo neste Outono. Como na década de 1990, elas estão em alta novamente e já representam uma peça básica no guarda-roupa de toda mulher, sendo capaz de combinar com vários estilos de peças.

 

No Shopping Estação o produto está disponível em várias lojas, em diferentes estilos, cores e para todas as idades. Exemplo disso são as jaquetas da loja infantil PUC, localizada no primeiro piso do Shopping, em couro ecológico, nas cores vermelho e marrom e disponíveis para crianças de 2 a 16 anos. As peças custam R$ 179,99.

 

A Barred’s, no segundo piso, também conta com um modelo em couro ecológico na cor mostarda que garante ao look um ar esportivo (R$ 199,98). Já a Nonsense, também no segundo piso, a jaqueta vermelho-cereja, no modelo mais curto, sai por R$ 249,00.                      

 

Jaquetas de couro ecológico nas cores cereja, vermelho, preto, nude (areia) e marrom, em vários modelos e tamanhos, que vão do clássico ao mais esportivo, também estão disponíveis na BGO, no primeiro piso do espaço, por R$199,00.

 

 

Serviço:

Shopping Estação

(41) 2101-8376

Barred’s – (41) 3225-0330

BGO – (41) 3232-0567

Nonsense – (41) 2101-8516

PUC – (41) 3307-1120

Av. Sete de Setembro, 2775 | Rebouças | Curitiba-PR

Curitiba/PR

(41) 3094-5300 | www.shoppingestacao.com.br

@shoppingestacao | www.facebook.com/shoppingestacao

Lojas do Shopping Estação oferecem alternativas de maquiagens que estarão em alta no inverno 2013

Dia 20 de março registrou o começo do outono e, em breve, é o frio que vai bater em nossa porta. E quando ele chegar, o ideal é estar atenta às tendências para aproveitar com elegância a estação.

 

Nos últimos desfiles da São Paulo Fashion Week e Fashion Rio foram apresentadas tendências de maquiagem para o inverno 2013 que surpreendem pela versatilidade. Este ano elas chegam valorizando a boca e os olhos com as cores berinjela, marrom escuro, vinho, vermelho, verde escuro, uva e preto. Lápis de contorno para a boca e para destacar as sobrancelhas também podem representar escolhas bastante acertadas.

 

Tons de nude, que garantem ao visual um estilo naturalmente despojado, também estão em alta. Composto por batons claros, bases com cobertura perfeita e sombras quase imperceptíveis, o look cai ainda melhor durante o dia. Já para a noite, a maior aposta é nas cores metalizadas.

 

Essas e outras tendências já estão disponíveis no quiosque Contém 1grama e na loja O Boticário, ambas localizadas no primeiro piso do Shopping Estação.

 

 

Serviço:

Shopping Estação

Telefone: (41) 2101-8376

Av. Sete de Setembro, 2775 | Rebouças | Curitiba-PR

Curitiba/PR

(41) 3094-5300 | www.shoppingestacao.com.br

@shoppingestacao | www.facebook.com/shoppingestacao

MASSAGEM DETOX JÁ!

 

 FOT0 19

            Já imaginou uma massagem que ativa a circulação sanguínea e drena todas as toxinas, previne o envelhecimento, a celulite, a insônia, dores musculares além de aumentar as defesas imunológicas do organismo? Pois é… Esta é a Massagem Detox que a Clínica Care oferece. A massagem é feita com saquinhos de linho aquecidos contendo ervas aromáticas e sal marinho além da utilização de óleo aquecido.

LogoCare            Esta  massagem não é agressiva, modela o corpo e deixa a pele oxigenada.

 

 

 

 

CLÍNICA CARE
http://www.carebrasil.com.br

Av. Sete de Setembro, 5978

 Batel,Curitiba – PR

Segunda a Sexta 9:00 às 19:00
Sábado 9:00 às 13:00

41 3343.3566

UMA PÁSCOA DIFERENTE COM BÁRBARA TREVISANI

drageasbt

 

 

  As vendas da Páscoa 2013 de Bárbara Trevisani superaram todas as expectativas, e, em plena sexta-feira, dia 22, já não tinham mais ovos em seu ateliê. Para inovar,Bárbara, decidiu criar novas possibilidades.

Drágeas de chocolate

            As drágeas de chocolate feitas por Bárbara são amêndoas confeitadas envoltas em chocolate e estão disponíveis nos sabores: praliné, meio-amarga e tiramissu.

            Uma opção diferente, mas muito saborosa, para quem não quer gastar muito. O pacote de 100 gramas sai por R$ 14,00 e o pacote com 200 gramas é R$ 29,90.

 

Ovo de colher

O ovo de colher de Bárbara tem a casca de chocolate ao leite 32% de cacau e é recheado com creme de avelã, coberto de raspas de chocolate belga, sabor caramelo.

Super tendência, os ovos de colher vieram pra ficar. O ovo de colher de Bárbara, com 550 gramas , é um produto limitado de pronta-entrega, por R$ 89,00.Uma delícia para ser saboreada com colher.

Gostos diferentes para uma Páscoa com um sabor inesquecível.

BÁRBARA TREVISANI

Chocolates e Doces Finos

Avenida República Argentina, 5.025

Novo Mundo, Curitiba – PR

41 3347.6278

bárbara@barbaratrevisani.com.br

www.barbaratrevisani.com.br

Cheque Visa e Visa Electron

Com horário marcado

Segunda à sexta das 9h às 18h

Sábado das 9h às 14h